DENGUE: SE VOCÊ AGIR, PODEMOS EVITAR

Archive for the ‘POSSE RESPONSÁVEL’ Category

Zoonoses faz trabalho de prevenção em escolas

leave a comment »

Setenta e cinco crianças do programa Educação Integral, da Escola Sylvio de Araújo receberam a equipe da Zoonoses para conhecer um pouco mais sobre o perigo que representa o acúmulo de lixo em local inapropriado e também a presença de criadouros dentro das casas que podem facilitar a reprodução do mosquito Aedes aegypti.

Posse Responsável foi o tema da palestra direcionada aos alunos do Projeto Flores. O cuidado com animais domésticos foi ressaltado durante a apresentação. A Zoonoses sempre alerta sobre a necessidade da castração em cães e gatos e na atenção que se deve dar a aplicação de vacinas contra a raiva e outras doenças.

O Centro de Controle de Zoonoses esteve também na empresa Agroceres passando orientações aos funcionários sobre formas de prevenção contra doenças transmitidas por ratos e mosquitos. Também foram expostas, durante 3 dias de palestras, maneiras de evitar acidentes com animais peçonhentos como escorpiões e cobras. Muitas das doenças acontecem por conta do armazenamento incorreto do lixo orgânico e devido ao lixo jogado pelas ruas e terrenos da cidade, formando mini-lixões. Nesses locais muitos animais nocivos saem em direção às casas colocando a saúde das pessoas em risco. A Agroceres já possui brigadas de combate para eliminação de criadouros do Aedes aegypti cujas inspeções são realizadas semanalmente.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios

Agentes Comunitários seguem treinamento para combater o Aedes

leave a comment »

Agentes Comunitários de Saúde cumpriram na última sexta-feira, dia 15, mais uma das quatro etapas do treinamento “Discutindo as Novidades no Combate das Arboviroses” no Núcleo Administrativo Municipal (NAM). A capacitação que termina na sexta-feira dia 22, está sendo ministrada pela Chefe de Núcleo de Endemias, Maria Júlia Guarnieri Baptista. Os participantes do treinamento receberão certificado.

Arboviroses são as doenças causadas pelos chamados arbovírus, que incluem o vírus da dengue, zika vírus, febre chikungunya e febre amarela, transmitidas a partir do mosquito Aedes aegypti. O trabalho dos agentes comunitários junto as famílias, permite a criação de vínculos, facilitando a difusão de informações importantes no controle do Aedes e consequentemente na transmissão de doenças.

Como estamos em época de tempo quente e chuvoso, apropriado para a reprodução do mosquito é preciso muita atenção dentro de casa, buscando por locais que possam servir como criadouro, como plantas aquáticas, vasilhames, pneus e reservatórios de água.

A Secretaria de Saúde reforça o apelo para que a população não descarte lixo em terrenos baldios e locais inapropriados e nem mantenha em casa entulho ou qualquer material que possa acumular água parada, onde se desenvolvem as larvas do mosquito. Mais informações sobre o trabalho dos agentes do Centro de Controle de Zoonoses podem ser obtidas pelo telefone 3523-8663, inclusive aos sábados das 8 às 13 horas.

 

PIRASSUNUNGA EM VISITA AO CCZ RIO CLARO

leave a comment »

Representantes do município de Pirassununga,  professor da USP  Adroaldo Zanella acompanhado do vereador Vitor Naressi, estiveram na sede do CCZ Rio Claro para colher  informações sobre a criação de um centro de controle de zoonoses em seu município.

O sr.  Diego Reis e  a Dra. Maria Emilia de Godoy recepcionaram os visitantes esclarecendo  suas dúvidas sobre nossos trabalhos preventivos , programa de castração e disponibilizando material informativo.

Um Centro de Controle de Zoonoses trabalha com doenças transmitidas por animais para humanos: raiva, dengue, leptospirose, leishmaniose, entre outras,  e é fundamental na saúde pública.

CCZ PARTICIPA DO EVENTO RESGATANDO O BRINCAR

leave a comment »

Foi um sucesso o evento Resgatando o Brincar   realizado no último domingo, 27 na Lagoa Seca do Cervezão,  organizado pelo  vereador Geraldo Voluntário e que teve a participação de diversas secretarias municipais e entidades privadas.

O Centro de Controle de Zoonoses esteve presente com muitas brincadeiras e claro, informações preventivas.

Os bonecos Agente Cabeção e o mosquito Aedes marcaram presença com o público presente, brincando e lembrando da necessidade da eliminação dos criadouros do mosquito para evitar a Dengue, Zika, Chikungunya e Febre Amarela.

 

A barraca com exposição de Animais Peçonhentos e folhetos informativos teve um grande número de visitas  com os Agentes de Endemias  esclarecendo a curiosidade de todos.

A confecção de máscaras deixou a criançada animada.


 

 

 

 

 

Novas brincadeiras como : Acertar o bico no mosquito e Lançamento de bolinhas foram um sucesso.

 

Essas formas lúdicas e divertidas auxiliam nas  informações preventivas sobre diversas doenças trabalhadas pelo Centro de Controle de Zoonoses e na saúde de toda população.

 

Zoonoses fecha o ano com mais de 4 mil castrações gratuitas em cães e gatos

leave a comment »

A prefeitura de Rio Claro, por meio da Secretaria de Saúde, encerrou 2018 com 4.050 animais castrados no Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), número que atende as metas estabelecidas e é bastante significativo no que diz respeito ao controle populacional de cães e gatos no município. O número mais expressivo de castrações até então tinha sido 2.918 cirurgias, em 2014.

A quantidade de cães e gatos castrados neste ano poderia ter sido ainda maior, já que 858 proprietários deixaram de levar seus animais no dia e hora marcados para a cirurgia, sem avisarem antecipadamente. Ainda assim, de acordo com o gerente do CCZ, Diego Reis,  o resultado reflete o empenho da equipe em manter uma média de 300 a 400 animais castrados por mês, o que coloca o programa de esterilização do município em destaque na região.

Dos animais castrados este ano, 1.994 foram cães (machos e fêmeas) e 2.056 gatos (machos e fêmeas). A expectativa é manter o ritmo em 2019, atendendo  animais pertencentes a toda a população, priorizando os das pessoas de baixa renda.
Os interessados em castrar seus animais devem ligar para 3535-4441 ou 3533-7155, de segunda a sexta-feira das 7 às 16 horas. Será feito um cadastro e agendamento da cirurgia. Caso não seja possível comparecer no dia agendado, o proprietário deve ligar e fazer o cancelamento com pelo menos três dias de antecedência para que outro animal possa ser agendado.

Caso o cadastro já tenha sido feito, mas a Zoonoses ainda não entrou em contato, pode ser que o munícipe trocou o número de seu telefone e não informou ao CCZ. Nesse caso a pessoa deve entre em contato e fazer a atualização dos dados.

CRIANÇAS DO PROJETO ESTAÇÃO DO BEM RECEBEM ORIENTAÇÕES SOBRE POSSE RESPONSÁVEL

leave a comment »

Crianças do projeto ESTAÇÃO DO BEM aprenderam um pouquinho das responsabilidades que se deve ter ao adotar um animalzinho.

O que é posse responsável?

É ter a guarda de um bichinho e não lhe deixar faltar nada. É zelar por sua saúde, sua alimentação, amor e segurança. É respeitá-lo, respeitar suas características, seus hábitos, e ser um verdadeiro amigão do seu animalzinho.

E muito importante saber dos deveres que se deve ter com seu animal de estimação antes de adotá-lo, assim evitará muitos abandonos.

E sempre bom lembrar que um animal necessita de;

  • Um lugar para dormir
  • Alimento e água
  • Caso fique doente, precisa passar pelo Medico Veterinário
  • Vacinas
  • Banho
  • E muito amor

Esses são quesitos básicos para se adotar um animalzinho.

E de muita importância ensinar para as crianças que um bichinho de estimação não e brinquedo, e que vive durante muitos anos. Sendo assim, não pode ser adotado por emoção ou empolgação, evitando o abandono.

 

Written by I.E.C - CCZ

28/11/2018 at 8:14 am

Cresce o número de castrações de animais na Zoonoses

leave a comment »

O projeto de castração de cães e gatos, implantado em 2011 pelo Centro de Controle de Zoonoses vem a cada mês atingindo números mais expressivos. Neste mês de outubro, o setor realizou 455 esterilizações, sendo 228 cães e 227 gatos, machos e fêmeas. Esse resultado poderia ter sido ainda melhor se todos os agendamentos tivessem ocorrido conforme o programado pelo setor. No entanto muitos proprietários deixaram de comparecer no dia e hora marcados com seu animal para a realização da cirurgia. Em outubro foram 542 procedimentos agendados. Desses 87 não resultaram em esterilizações porque o dono não apareceu e não desmarcou o horário.

Apesar de todo o empenho em castrar o maior número possível de animais, a Zoonoses ainda encontra alguma resistência de proprietários. Mesmo assim, se forem somados todos os anos desde a criação do projeto, Rio Claro já castrou 19.109 animais. Somente neste ano de 2018 foram agendados 4.173 procedimentos e realizadas 3.446 castrações.

O atendimento feito pela Zoonoses prioriza as pessoas de baixa renda, permitindo que tenham acesso ao serviço. Com isso é possível esterilizar muito mais animais, evitando que eles se reproduzam e que filhotes acabem sendo abandonados pela cidade. Apesar de ser prioridade, o atendimento não é exclusivo para os que não podem pagar pelo procedimento. Ele está aberto a toda a população.

Para ter acesso ao serviço de castração da Zoonoses o munícipe pode ligar para 3535-4441 ou 3533-7155 e pedir informações sobre cadastros, agendamentos e encaixes. O atendimento é feito de segunda a sexta-feira das 7h00 às 16h00.