DENGUE: SE VOCÊ AGIR, PODEMOS EVITAR

Posts Tagged ‘agentes de saúde

AGENTES DO CCZ REALIZAM LIRAa NOS BAIRROS DA CIDADE – Saiba o que é esta pesquisa

leave a comment »


Mosquitos botam e nascem o ano todo. Seus ovos podem durar mais de 450 dias no seco, eclodindo rapidamente após contato com qualquer quantidade de água parada e 80% dos criadouros estão nas residências.

Para contarmos larvas e criadouros, a Sucen – Superintendência de Controle de Endemias, orgão da Secretaria Estadual de Saúde, determina que seja realizado quatro vezes ao ano ,  o Breteau ou LIRAa, que é  o Levantamento de Índice Rápido para o Aedes aegypti;  uma metodologia que permite o conhecimento de forma rápida, por amostragem, da quantidade de imóveis com a presença de recipientes com larvas de Aedes aegypti, mosquito transmissor da Dengue, Chikungunya, Zika e Febre Amarela.

Durante todo  ano de 2018 informamos  que nossa  cidade encontra-se em estado de Alerta em relação à densidade larvária, ou seja, existem muitos criadouros com positividade de larvas de Aedes aegypti nas residências.

O  perigo de epidemia agrava-se durante o verão, onde a chuva e o calor propiciam maior reprodução destes insetos.

Os  principais criadouros de mosquitos encontrados  nas residências são: ralos descobertos, canaletas do box e do quintal, pratos de plantas, pneus, bebedouros de animais, latas,  potes plásticos, garrafas, inservíveis no quintal.

Durante as visitas de rotina, os agentes procuram, orientam e auxiliam na eliminação dos criadouros, mas a vistoria semanal deve ser realizada pelos moradores, lembrando que qualquer quantidade de água parada, serve de “berço” para os mosquitos transmissores da Dengue, Febre Amarela, Zika e Chikungunya.

 

                                                                            Apenas uma gota de água pode gerar 2 mil mosquitos
Anúncios

TODOS CONTRA A DENGUE

leave a comment »

Unidade Saúde da Família do bairro Boa Vista juntamente com alunos da Escola Estadual Roberto Garcia Losz teve a iniciativa de uma caminhada no Bairro, que foi realizada dia 23 de novembro, a fim de alertar moradores dos perigos da Dengue e evitar um surto no próximo verão.

A passeata pelo bairro  contou com a participação de vários funcionários do Posto de saúde, jovens do Projeto Pró Jovem, Grupo da terceira idade e crianças da Escola Municipal Lucidia Soares.

O Projeto Pró Jovem participou da passeata com a fanfarra, alunos fizeram cartazes com frases de conscientização do combate a dengue, as crianças levaram bexigas preta com bolinha branca, simbolizando o Aedes. Teve a participação do Boneco cabeção e do Aedes.

Com a chegada das chuvas e o calor intenso, aumenta a proliferação do Aedes. E preciso muita atenção nos quintais, não jogar lixo nos terrenos.

E com a apresentação dos sintomas de ZIka, Chikungunya ou Dengue procurar um posto de saúde e evitar tomar medicamentos sem orientação medica.

 

DIA D CONTRA O MOSQUITO AEDES

leave a comment »

AMANHÃ É DIA DE DIVERSÃO E INFORMAÇÃO SOBRE O MOSQUITO DA DENGUE NO JARDIM PÚBLICO

A  Fundação Municipal de Saúde em parceria com a Secretaria de Meio Ambiente, Secretaria de Agricultura e Vigilância Epidemiológica vai realizar no próximo sábado, 10, das 10 às 14h, no Jardim Público, o DIA D CONTRA O MOSQUITO AEDES AEGYPTI, transmissor da Dengue, Zika , Chikungunya e Febre Amarela.
O evento contará com a troca de verduras orgânicas das hortas da Secretaria de Agricultura,   por material reciclável que será recolhido  pelas cooperativas da Secretaria de Meio Ambiente.
Equipes da Vigilância Epidemiológica estarão explicando o ciclo do mosquito através de microscópios e realizando exames de DST.
Agentes do Centro de Controle de Zoonoses estarão coordenando brincadeiras como: corrida de colher, pintura de rostos e máscaras, argolas, corrida com dados e confecção de pipas;  todas as atividades  são relativas à prevenção das doenças e eliminação de criadouros do mosquito transmissor.
O Boneco Cabeção estará distribuindo folhetos informativos e divertindo a criançada com os agentes fantasiados de mosquitos.
Esta ação faz parte da Semana de Mobilização contra o Aedes e visa informar à população sobre o perigo das doenças transmitidas por este mosquito e a importância da eliminação de criadouros: qualquer local ou quantidade de água parada.
Participe, leve as crianças , recicláveis e receba verduras e informação.

E.M. PROFª RUTINEIA REALIZA PASSEATA CONTRA MOSQUITOS

leave a comment »

Crianças do bairro Terra Nova chamam atenção da população contra criadouros de mosquitos

O número de larvas nas residências coloca nosso município em estado de Alerta para uma epidemia no próximo verão e a necessidade de eliminar locais com água parada, que servem de “berços” para os mosquitos, é fundamental.

A Creche escola Profª Rutineia Paulino de Souza Ferreira da Silva, no bairro Terra Nova organizou passeata  para chamar atenção de moradores contra criadouros do mosquito Aedes aegypti, transmissor da Dengue, Chikungunya, Zika e Febre Amarela.

Professores trabalharam o tema com a confecção de chapéus, cartazes,  instrumentos musicais e paródias musicais.

A direção da escola acompanhou a passeata com caixa de som realizando orientações sobre criadouros.

O objetivo é a conscientização dos moradores para inibir o descarte incorreto de lixo pelas ruas e terrenos do bairro que servem de criadouros do mosquito  e com isto,  a prevenção das doenças transmitidas pelo vetor.

O Centro de Controle de Zoonoses esteve presente com o Boneco Agente Cabeção e a equipe de informação distribuiu folhetos  aos moradores.

 

MAIS DE UMA TONELADA DE MATERIAL RECOLHIDO POR MUTIRÃO NO SANTA ELIZA

leave a comment »

 

 

No último sábado, 6,  equipes do Centro de Controle de Zoonoses juntamente com o Caminhão Cata Bagulho da  Secretaria de Meio de Meio Ambiente , realizaram Mutirão para retirada de prováveis  criadouros de mosquitos nas residências do bairro Santa Eliza.

Vinte e três agentes percorreram as residências  do bairro recolhendo materiais que poderiam  acumular água e servir de criadouros do mosquito Aedes aegypti, transmissor da Dengue, Zika. Chikungunya e Febre Amarela.

O resultado dos trabalhos foram 1.175 imóveis visitados e mais de 1.800 Kg de inservíveis recolhidos pelo Caminhão Cata Bagulho .

O bairro registra grande número de lixo jogado por moradores em terrenos, doentes positivos de Dengue e muitas reclamações sobre escorpiões.

A população tem a seu dispor os serviços oferecidos pela prefeitura municipal como: coleta diária de lixo, Eco Pontos , a visita mensal do Caminhão Cata Bagulho e precisa conscientizar-se de que o lixo jogado inadequadamente atrai insetos e com eles as diversas zoonoses relacionadas colocando em risco a saúde de suas famílias e toda comunidade.

Lembrando que a densidade larvária (número de larvas de mosquitos) nas casas continua deixando o município em estado de Alerta e ações preventivas devem ser tomadas desde já para impedir epidemias no próximo verão.

Os Mutirões continuarão a ser realizados aos sábados nos bairros onde são registrados positivos de Dengue e Chikungunya e onde são registrados grande  números de criadouros.

Colabore com a saúde de sua família eliminando qualquer local ou quantidade de água parada e jogando lixo  em locais corretos.

 

USF SANTA ELIZA EM CAMPANHA CONTRA LIXO E DOENÇAS RELACIONADAS

leave a comment »

Andando pelas ruas da cidade, independente do bairro, encontramos lixo jogado  irregularmente pela própria população em praças, ruas, terrenos.

O problema não é apenas a paisagem feia, são as consequências que este descarte gera, como a atração de animais peçonhentos, ratos, baratas e com eles as zoonoses relacionadas: dengue, leptospirose, entre outras.

O Centro de Controle de Zoonoses tem realizado palestras sobre o tema em escolas, empresas, projetos, igrejas na tentativa de conscientizar cidadãos para prevenir diversas doenças.

O bairro Santa Eliza registra alguns casos positivos de Dengue, escorpiões e claro, muito lixo espalhado pelos terrenos.

Profissionais de saúde da USF Santa Eliza preocupados  com a saúde dos moradores, convidaram equipe de educação do CCZ para orientação ao público atendido através da palestra: Lixo = Bicho – Animais e doenças relacionadas ao descarte incorreto de lixo e decoraram a unidade com informações relativos ao tema.

Parcerias que podem mudar hábitos, deixar o local onde moramos mais bonito e principalmente, mais saudável.

FEBRE MACULOSA – SERVIÇOS PELO CENTRO DE CONTROLE DE ZOONOSES

leave a comment »

A Fundação Municipal de Saúde mantém através do Centro de Controle de Zoonoses, equipe de Educação e Informação que realiza palestras, exposições, distribuição de material e atividades lúdicas em escolas, empresas, projetos, igrejas, entidades filantrópicas, unidades de saúde.

Solange Mascherpe, Chefe de Núcleo de Zoonoses e  e Daiana Carolina Joaquim, Agente de Endemias , realizaram de Março a Agosto de 2018, palestras com público direto de  13.000 pessoas e eventos com público estimado somam  mais de 60.000 pessoas.

 FEBRE MACULOSA

A febre maculosa brasileira é uma doença infecciosa febril aguda, de gravidade variável, cuja apresentação clínica pode variar desde as formas leves e atípicas até formas graves , com elevada taxa de letalidade.

É causada por uma bactéria do gênero Rickettsia (Rickettsia rickettsii), transmitida por carrapatos.

 O DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO PRECOCE É ESSENCIAL PARA EVITAR FORMAS MAIS GRAVES DA DOENÇA.

Após informações de várias ocorrências e óbitos em cidades próximas, o CCZ imediatamente iniciou trabalhos preventivos em áreas de risco e com profissionais de saúde. (anexo relatório de Maio/2018)

Em todas as palestras realizadas, independente do tema solicitado, orientações sobre Febre Maculosa  estão sendo são repassadas ao público.

TRABALHOS SOBRE  FEBRE MACULOSA DENTRO DA FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE SAÚDE

Com agendamento através da Atenção Básica de Saúde da FMS , profissionais das  UBSs, USFs e  UPAs , estão recebendo  orientações sobre a Febre Maculosa, prevenção e tratamento para conhecimento e um melhor atendimento  aos munícipes.

ZONA RURAL

Durante a vacinação de cães e gatos na Zona Rural da cidade, moradores de sítios, chácaras e fazendas que naturalmente tem maior contato com carrapatos, além da proteção em seus animais pela vacina antirrábica,  tem recebido orientações sobre Febre Maculosa pelos agentes de endemias.ORIENTAÇÕES SOBRE  FEBRE MACULOSA JUNTO ÀS SECRETARIAS MUNICIPAIS

Funcionários municipais que trabalham em áreas com risco de contato com carrapatos, também já receberam orientações:

AGRICULTURA

VÁRIAS INSTITUIÇÕES RECEBEM ORIENTAÇÃO SOBRE FEBRE MACULOSA ATRAVÉS DO CCZ RIO CLARO

Em junho durante reunião regional da Polícia Militar Ambiental, O CCZ de Rio Claro orientou policiais  de 46 municípios do Estado de São Paulo.

 

Equipes dos Bombeiros também receberam nossas orientações

Reuniões dos CONSEGS – Conselhos de Segurança dos bairros

 

REDES SOCIAIS

Diariamente orientações sobre Febre Maculosa são registradas em nossas redes sociais

BLOG

https://cczrioclaro.wordpress.com/2018/07/17/ccz-atualiza-informacoes-sobre-febre-maculosa-na-unesp/

RADIO

Os trabalhos continuam com agendamentos de palestras em Sindicatos de produtores rurais, cortadores de cana, escoteiros, bandeirantes,  sipats de empresas, concessionárias de rodovias , rede médico particular, convênios médicos, entre outros.

A informação em relação à Febre Maculosa é fundamental   para  que o paciente saiba da existência da doença e com isto prevenir-se adequadamente,  evitando áreas de risco ou procurando atendimento médico imediato e informando  ao profissional sobre o contato; e para os profissionais de saúde questionarem pacientes sobre a possibilidade do contato com carrapatos e assim, dar início imediato ao tratamento .