DENGUE: SE VOCÊ AGIR, PODEMOS EVITAR

Posts Tagged ‘atenção básica

EQUIPES REÚNEM-SE NA SALA DA DENGUE PARA DISCUTIR METAS E PLANOS DE TRABALHO

leave a comment »

Prefeito Juninho da Padaria participou da primeira reunião do ano que fez balanço de 2019 e discutiu ações para 2020

O município de Rio Claro realizou na manhã desta quinta-feira (16) a primeira reunião do ano da Sala de Coordenação e Controle da Dengue. Representantes das secretarias municipais se reuniram para discutir planos e  metas de trabalho para este ano com relação ao combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, chikungunya, Zika vírus e febre amarela. Na oportunidade também foi feito balanço das atividades realizadas no ano passado.

A primeira reunião da Sala da Dengue de 2020 contou com participação do prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, e da secretária municipal de Saúde, Maria Clélia Bauer. As reuniões são periódicas com o objetivo de realizar um trabalho integrado no combate e prevenção ao mosquito. “Esse é um trabalho que exige o envolvimento de todas as secretarias e também da sociedade. Cada um tem que fazer a sua parte para eliminar os criadouros do mosquito e controlar a dengue que é um problema de todos”, observa Juninho.

A prefeitura tem feito a sua parte realizando ações educativas, mutirões de limpeza e vistorias em residências e imóveis. Porém, como 80% dos criadouros estão dentro das residências, a ajuda da população é fundamental no controle da doença. “Precisamos unir esforços no combate à dengue que é uma pandemia do mundo”, alerta Clélia. “Temos que dar continuidade ao trabalho de prevenção”, acrescenta.

Diego Reis, gerente do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), observa que é preciso que a população fique em alerta porque tivemos um final de ano chuvoso e janeiro também tem registrado alto índice pluviométrico, o que eleva o risco de proliferação das larvas do mosquito. “O controle mais eficaz é eliminar os criadouros, ou seja, qualquer recipiente que possa acumular água parada”, explica.

As ações contra a dengue continuam. A prefeitura realiza nesta semana a coleta para nova avaliação de densidade larvária no município, e segue fazendo trabalho de rotina com visitas casa a casa e bloqueios contra criadouros. Os mutirões de 2020 devem ser iniciados neste mês.

 

 

 

 

 

 

Fonte : Imprensa Rio Claro

CCZ ORIENTA SOBRE ESCORPIÕES E FEBRE MACULOSA NAS USFs

leave a comment »

Equipe de Educação e Informação juntamente com a bióloga Milene Weissmann, tem percorrido as unidades de saúde da família para orientações aos profissionais de saúde sobre Febre Maculosa e Escorpiões.
Estas parcerias são importantes para troca de conhecimento e melhor atendimento aos munícipes.
Nossos agradecimentos pela recepção às unidades dos bairros Boa Vista e Bonsucesso onde estivemos na última sexta-feira,  20.
Valeu pessoal!

 

 

Lançado em Rio Claro o Plano de Ação contra o Aedes aegypti para 2016

leave a comment »

DSC08271Foi lançado nesta terça-feira (29) no salão de audiências do gabinete do prefeito o Plano de Vigilância, Controle e Assistência à Dengue, Chikungunya e Zíka Vírus 2016. O documento sintetiza todos os procedimentos vigentes e traz informações detalhadas sobre as estratégias de enfrentamento que serão realizadas por vários setores da Fundação Municipal de Saúde.

O Plano estabelece a atuação da Atenção Básica, das unidades de emergência, setor administrativo e de educação, todos com suas tarefas independentes, porém agregadas no combate ao mosquito transmissor.

A dengue é uma doença que mata e, portanto, todo cuidado se torna necessário para a prevenção e eliminação de criadouros do mosquito transmissor. A população tem um papel fundamental nesse trabalho, pois deve monitorar diariamente seu quintal para evitar água parada.

DSC08275

DSC08264DSC08268

 

Equipe sai à procura de larvas em pontos estratégicos

leave a comment »

pe

Escolas, empresas, cemitérios, ferros-velhos, borracharias onde há grande quantidade de criadouros são visitados todos os dias pela equipe de Pontos Estratégicos de combate à dengue.

Esse trabalho tem como objetivo verificar se esses locais estão realizando o trabalho preventivo, eliminando larvas e ovos do Aedes aegypti. Esses dados servem de parâmetro para que a Zoonoses saiba onde estão os pontos mais vulneráveis que precisam de uma atuação mais constante dos agentes. Muitas vezes a equipe da Zoonoses tem apoio da Defesa Civil para a retirada de materiais.

A equipe também atua em conjunto com a Ação Social, Atenção Básica, Agricultura, Parques e Jardins, Próprios Municipais, Secretaria de Educação e Sepladema- Secretaria de Planejamento, Desenvolvimento e Meio Ambiente.