DENGUE: SE VOCÊ AGIR, PODEMOS EVITAR

Posts Tagged ‘cobras

CCZ participa da Família na Floresta e Resgatando o Brincar

leave a comment »

Foto Arquivo

Duas ações importantes com a participação do Centro de Controle de Zoonoses acontecem neste domingo, dia 9. Na Família na Floresta evento que inclui várias atividades voltadas para a natureza, atrações musicais e práticas esportivas, a Zoonoses estará a partir das 8h00, orientando as pessoas sobre como evitar acidentes com animais peçonhentos (cobras, escorpiões e aranhas). No mesmo dia, das 13h00 às 17h00 acontece o Resgatando o Brincar evento que proporciona às crianças rio-clarenses diversão e aprendizado em família, incentivando o interesse em atividades culturais, esportivas e lúdicas. A Zoonoses irá distribuir para as crianças máscaras de animais para serem coloridas.

Anúncios

Fundação Casa recebe palestra da Zoonoses

leave a comment »

Os 55 internos da Fundação Casa, receberam na sexta-feira, dia 17, palestra de orientação a respeito de animais peçonhentos. Além de conhecerem de perto as características físicas de cada uma das espécies através do acervo da Zoonoses, os internos foram orientados sobre como procederem por exemplo, no caso de acidente com cobras, escorpiões e aranhas.

Funcionários da Agroceres recebem orientações da Zoonoses

leave a comment »

O Centro de Controle de Zoonoses esteve na empresa Agroceres passando orientações aos funcionários sobre formas de prevenção contra doenças transmitidas por ratos e mosquitos. Também foram expostas, durante 3 dias de palestras, maneiras de evitar acidentes com animais peçonhentos como escorpiões e cobras. Muitas das doenças acontecem por conta do armazenamento incorreto do lixo orgânico e devido ao lixo jogado pelas ruas e terrenos da cidade, formando mini-lixões. Nesses locais muitos animais nocivos saem em direção às casas colocando a saúde das pessoas em risco. A Agroceres já possui brigadas de combate para eliminação de criadouros do Aedes aegypti cujas inspeções são realizadas semanalmente.

PROJETO ADRA E ANIMAIS PEÇONHENTOS

leave a comment »

Lixo descartado incorretamente além de servir de criadouros de mosquitos, atrai baratas, ratos que servem de alimento para cobras  e  insetos que servem de alimentos para aranhas e escorpiões.

Preocupados com a proximidade destes animais em área urbana, o Centro de Controle de Zoonoses realiza palestras para informar e  prevenir acidentes com estes animais  que causam problemas  nas famílias e na saúde pública.

Na última terça feira, dia 15, alunos e funcionários do Projeto ADRA –  Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais = Núcleo Rio Claro – receberam através das representantes do CCZ,  Solange Mascherpe e Daiana Carolina Joaquim, uma série de palestras sobre o tema Animais Peçonhentos.

Além das informações, os presentes tiveram a oportunidade de conhecer os principais animais peçonhentos recolhidos nas residências da cidade e receberam folhetos com sintomas resultados do contato com estes animais.

Em caso de acidente com Animais Peçonhentos, a vítima deve procurar imediatamente o Pronto Atendimento da Santa Casa, onde receberá socorro e o soro específico.

Evite estes bichos jogando lixo em locais corretos.

 

 

 

CCZ orienta sobre descarte incorreto de lixo

leave a comment »

O Centro de Controle de Zoonoses em parceria com a Secretaria de Habitação está realizando várias ações para inibir o descarte incorreto de lixo em ruas e terrenos no entorno do Jd. das Nações II.

A Secretaria de Habitação distribuiu lixeiras para a área interna do condomínio para auxiliar a população, além da existência de lixeiras comunitárias e do lixo reciclável.

O CCZ está realizando palestras nos condomínios, nas escolas do bairro e proximidades, distribuição de cartazes,  folhetos e  passagem com carro de som orientando por exemplo, amarrar o saco de lixo antes do destino na lixeira comum.

Quando descartados incorretamente, os resíduos atraem ratos,  insetos como moscas e baratas que servem de alimento para atrair animais peçonhentos, como aranhas, escorpiões e cobras, além claro, do mosquito Aedes aegypti que encontra nos inservíveis, locais ideais para sua reprodução.

Colabore:  Jogue o lixo em locais corretos e perto do horário das coletas, evitando a proliferação de bichos indesejados.

 

Lixo 08 05 18 (3)

 

Lixo 08 05 18 (8)

Lixo 08 05 18 (23)Lixo 08 05 18 (17)Lixo 08 05 18 (12)Lixo 08 05 18 (7)

 

CCZ é chamado para captura de peçonhentos

leave a comment »

Peçonhentos Sind Rural (16)

Animais peçonhentos próximos a residências, escolas e indústrias são sempre uma preocupação para o Centro de Controle de Zoonoses. Todo mês o CCZ fecha relatório com números de capturas de cobras, escorpiões e aranhas e também de orientações passadas aos munícipes para evitar acidentes.

Em maio uma cobra coral falsa foi capturada em uma empresa e solta em região de mata. No Jardim Santa Elisa houve solicitação por conta do surgimento de aranhas, assim como no Parque Universitário e Cidade Nova. Nos bairros São Miguel e Vila Alemã a Zoonoses deu orientação para controlar a população de caramujos. Já no bairro Santana os pombos são um problema para os moradores. Em todos esses casos o CCZ faz a visita ao solicitante e procura a melhor forma de resolver o problema.

No caso dos pombos, responsáveis pela transmissão de várias doenças, um dos grandes desafios é convencer as pessoas a não alimentarem essas aves. Essa atitude só favorece a superpopulação e dificulta o controle da espécie. Os pombos podem transmitir doenças graves como a Criptococose, Histoplasmose, Salmonelose, Ornitose, Toxoplasmose, Dermatites, Alergias, Psitacose e Tuberculose.

O serviço de atendimento para relato do surgimento de animais peçonhentos é realizado através do telefone da ouvidoria 3526-7105. A solicitação é enviada a Zoonoses, responsável pela captura ou orientação. Para solicitar palestras em escolas e empresas sobre o tema, ligue 3535-4441 ou 3533-7155.

ANIMAIS PEÇONHENTOS: UM PERIGO PARA AS CRIANÇAS

leave a comment »

A segurança das crianças nas escolas tem levado os educadores a pedir auxílio ao Centro de Controle de Zoonoses. As solicitações vão desde a retirada de cobras e escorpiões, até orientações feitas pelos próprios agentes sobre como evitar acidentes com esses animais e palestras educativas que ensinam as crianças a ficarem longe deles.

Atendendo a uma dessas solicitações, o IEC esteve na escola Lucidia Terezinha Cassavia Escrivão Soares que atende crianças de 3 a 5 anos. Nessa idade elas são curiosas e qualquer animalzinho diferente chama a atenção. A Zoonoses foi até lá para desestimulá-las a brincar com qualquer bicho estranho e orientá-las a chamar por um adulto. Além de conhecer de perto cobras, escorpiões, aranhas e outros animais, elas assistiram a um desenho e ganharam máscaras de cobra e gatinho para pintar.