DENGUE: SE VOCÊ AGIR, PODEMOS EVITAR

Posts Tagged ‘fazendas

CCZ estará em Ferraz, Batovi e Fazenda São José neste domingo

leave a comment »

Os distritos de Ferraz e Batovi e a Fazenda São José recebem neste domingo, dia 19, as equipes de vacinadores do Centro de Controle de Zoonoses. Cães e gatos dessas localidades serão imunizados contra a raiva. A visita faz parte do cronograma de vacinação do CCZ destinado à área rural. O atendimento nesses locais terá início às 8h00, será feito casa a casa e se estenderá até que todas as propriedades sejam atendidas. Não há uma estimativa de doses a serem aplicadas, visto que a rotatividade de animais em sítios e fazendas é grande.

Desde o início de abril, animais que vivem na zona rural estão sendo vacinados. Até o momento a Zoonoses já aplicou perto de duas mil doses nas visitas realizadas durante a semana. “Se porventura algum proprietário de animal perdeu a visita dos vacinadores, pode procurar o CCZ de segunda a sexta-feira das 7h00 às 16h00 onde a vacina é aplicada gratuitamente”, lembrou a Chefe de Núcleo Milene Weissmann, que coordena a campanha de vacinação antirrábica.

Anúncios

Zoonoses inicia vacinação antirrábica na zona rural

leave a comment »

 

 

O Centro de Controle de Zoonoses iniciou nesta terça-feira (11) a campanha de vacinação antirrábica em cães e gatos na zona rural da cidade. Uma equipe se deslocou esta manhã para a região de Itapé, onde deverão ser aplicadas 125 doses da vacina. A campanha segue nos próximos meses até atingir toda cobertura na área rural. Já a vacinação de bovinos e equinos deve ser feita pelos proprietários.

Todos os anos cães e gatos devem ser vacinados contra a raiva a partir dos cinco meses de idade. A Trata-se de uma doença onde o vírus se alastra pelo sistema nervoso central de animais de “sangue quente” domésticos ou selvagens, ou seja, cães, gatos, macacos, morcegos e outros, incluindo o homem. Ela é transmitida ao ser humano através do contato da saliva (mordida ou lambedura) de animais que estão contaminados pelo vírus, bastando que algum tipo de ferida já existente entre em contato com a saliva do animal doente.

Este ano o CCZ irá aproveitar a presença das equipes na zona rural para fazer um alerta com relação à Febre Amarela. Os moradores de sítios e fazendas estão mais próximos das matas e serão orientados a, no caso de encontrarem macacos mortos ou doentes, avisar imediatamente o Centro de Zoonoses. Os macacos são considerados sentinelas da Febre Amarela. São eles que indicam se o vírus está circulando em determinadas áreas. Com a ajuda desses moradores será possível iniciar uma ação rápida de contenção da doença, caso sejam encontrados animais mortos.

O calendário para a vacinação na área urbana ainda não foi concluído, mas deve iniciar em julho. As datas e locais onde serão instalados os postos de vacinação serão divulgados através da imprensa. Importante ressaltar que Rio Claro não tem registro de nenhum caso de febre amarela.

Vacinação antirrábica volta à zona rural de Rio Claro

leave a comment »

vacina gato

A campanha de vacinação antirrábica está de volta à zona rural. Cães e gatos de sítios e fazendas de Serra D´água, região da Estrada de Jacutinga, começaram a ser vacinados nesta quinta-feira pela equipe do Centro de Controle de Zoonoses. Os animais de grande porte (equinos e bovinos) devem ser vacinados pelos proprietários.

A vacinação na zona urbana deve ter início entre outubro de novembro. O calendário de vacinação será divulgado pela imprensa e poderá ser consultado também no facebook e no site do Centro de Controle de Zoonoses. A vacinação de cães e gatos também é realizada pela Zoonoses diariamente, de segunda a sexta-feira das 7h00 às 16h00.

Campanha de vacinação antirrábica começa nesta segunda-feira

leave a comment »

                                                                                                         IMG_0922

Cães e gatos da zona rural devem ser imunizados

Começa nesta segunda-feira (3) a Campanha de Vacinação Antirrábica na zona rural de Rio Claro, realizada pelo Centro de Controle de Zoonoses. Cães e gatos devem receber a dose da vacina. Os animais de grande porte (equinos e bovinos) devem ser vacinados pelos proprietários. A imunização é a única forma de prevenção contra a raiva. A doença é transmitida por morcegos e além de ser fatal para os animais, também provoca a morte do ser humano que for contaminado, através de mordeduras ou contato direto com secreções de animais infectados.

De acordo com o veterinário Josiel Hebling, gerente do Centro de Controle de Zoonoses, as equipes estarão percorrendo sítios, chácaras e fazendas para atender aos moradores rurais, como acontece todos os anos. Já a vacinação na zona urbana, a expectativa é de que a campanha tenha início em novembro. A divulgação dos postos de vacinação será feita através da imprensa. No ano passado foram vacinados durante a campanha 14.400 animais em todo o município. Desses, 2.859 cães e gatos na zona rural.