DENGUE: SE VOCÊ AGIR, PODEMOS EVITAR

Posts Tagged ‘FMS

FEBRE MACULOSA – CCZ RIO CLARO ORIENTA POLÍCIA AMBIENTAL DE 46 MUNICÍPIOS

leave a comment »

Representantes da Policia Militar Ambiental das Regionais de São José do Rio Preto, Pirassununga e  Piracicaba,  representando cerca de 46 municípios do Estado de São Paulo, estiveram reunidos  na manhã desta quarta feira, no auditório principal do Núcleo Administrativo Municipal – NAM,  para atualização de novas diretrizes de atuação.

O  Centro de Controle de Zoonoses que tem realizado orientações sobre Febre Maculosa em todas as palestras ministradas, recebeu convite do Te. Jatobá e a Chefe de Núcleo de Zoonoses  Solange Mascherpe, aproveitou a oportunidade do  evento para conscientizar os policiais sobre os sintomas, prevenção e principalmente, sobre a necessidade de informação aos médicos do contato com carrapatos ou da transição em áreas de risco; e assim, realizar exame específico para o diagnóstico da Febre Maculosa e o imediato   tratamento com antibióticos.

A infecção ocorre  através da picada do carrapato estrela ou micuim que eventualmente carrega a bactéria Rickettsia rickettsii nas suas glândulas salivares.

Os primeiros sintomas aparecem de dois a quatorze dias depois da picada. Na imensa maioria dos casos, sete dias depois. 

Sintomas –  Começam abruptamente, semelhantes aos de outras infecções: febre alta, dor no corpo, dor da cabeça, inapetência, desânimo. Depois, aparecem pequenas manchas avermelhadas, as máculas, que crescem e tornam-se salientes, constituindo as maculopápulas.

A maioria dos óbitos ocorrem pelo tratamento inadequado na ausência de informação ao profissional de saúde.

Anúncios

AGENTES ATUALIZANDO INFORMAÇÕES

leave a comment »

Agentes de Controle de Endemias trabalham diretamente com o público  levando conhecimento e trazendo dúvidas da população atendida.

Para que o trabalho seja ainda mais eficaz, é necessário treinamento constante com novas informações e métodos de ação.

O setor de educação do Centro de Controle de Zoonoses tem realizado palestras  para que os agentes  tenham atualização referente aos serviços prestados e novas informações para repassar aos munícipes.

 

 

OS PERIGOS DE  PNEUS VELHOS  E  CRIADOUROS DE MOSQUITOS

leave a comment »

 

Não sabe o que fazer com pneus em desuso? O mosquito sabe.

 

                Muitas vezes após a troca de pneus,  se o próprio local de venda não recolher , não sabemos onde descartá-los.

Algumas pessoas deixam em garagens e quintais ,  outros simplesmente jogam em terrenos ou até mesmo em postes.

Pneus são excelentes criadouros para mosquitos:  sua forma  dificulta  a retirada de água acumulada,  as paredes internas são rugosas, apropriadas para a colocação de ovos de mosquitos, são escuras e mantém a temperatura da água fresca ; condições ideais para procriação do mosquito Aedes aegypti, transmissor da Dengue, Zika, Chikungunya e Febre Amarela.

Desde Abril de 2014, através do Comitê de Antropozoonoses, nossa cidade conseguiu a construção de um espaço coberto dentro do Aterro Sanitário, para o acondicionamento correto de pneus, fazendo de Rio Claro  uma das poucas cidades da região com local apropriado para depósito de pneus.

Além  das borracharias, este depósito recebe pneus dos Eco Pontos, dos caminhões Cata Bagulho, das Ações de Mutirão realizadas pelo  Centro de Controle de Zoonoses e de moradores conscientes que levam o material até o local.

A reutilização de pneus velhos para canteiros, móveis e até mesmo camas para cães e gatos  são excelentes  alternativas , evitando-se mosquitos ou abrigo para animais peçonhentos e outros animais sinantrópicos.

Informações sobre descarte correto de pneus podem ser realizadas através dos telefones do Centro de Controle de Zoonoses: 3535-4441 e  3533-7155.

 

   

CCZ NA CASA DAS CRIANÇAS

leave a comment »

As ações preventivas contra a Dengue, Zika, Chikungunya e Febre Amarela continuam a todo vapor.

A Fundação Municipal de Saúde, através do Centro de Controle de Zoonoses tem levado informações à população através de palestras, redes sociais  e materiais informativos em  escolas, projetos, empresas, igrejas, orgãos públicos, visando o controle do mosquito Aedes aegypti e das doenças por ele transmitidas.

Na última quinta feira, 17, Solange Mascherpe e Daiana Carolina Joaquim , Agentes de Informação do CCZ, estiveram na Casa das Crianças para orientar sobre os cuidados na  eliminação de criadouros, única forma eficaz para o controle do inseto.

Mosquitos botam e nascem diariamente. Para evitar novas epidemias, é fundamental que TODOS  tenham consciência da necessidade de jogar lixo em locais corretos e a eliminação de criadouros;  qualquer local ou quantidade de água parada.

Não dê trégua aos mosquitos!

 

TIRO DE GUERRA RECEBE CCZ EM PALESTRA SOBRE MOSQUITOS

leave a comment »

O Centro de Controle de Zoonoses esteve presente no quartel  do Tiro de Guerra para ministrar palestra sobre o mosquito Aedes aegypti, transmissor da Dengue, Zika, Chikungunya e Febre Amarela.

Cerca de cem soldados receberam as informações sobre os hábitos do mosquito,  as doenças transmitidas e assim poder  multiplicar as informações  para   suas famílias e em seus cotidianos.

O Tiro de Guerra é tradicional parceiro em trabalhos preventivos como a eliminação de criadouros e orientação à população nos cemitérios e residências da cidade.

Nossos agradecimentos ao comando do Exército pela oportunidade da informação e auxílio no combate ao mosquito.

 

E.M. SUELI MARIN CONTRA OS MOSQUITOS

leave a comment »

Alunos, professores e funcionários da Escola Municipal Sueli Marin receberam palestra do Centro de Controle de Zoonoses para aprenderem  sobre o mosquito Aedes aegypti e assim,  diminuir criadouros e o nascimento dos transmissores de Dengue, Zika, Chikungunya e Febre Amarela.

A conscientização de todos é fundamental para o combate deste mosquito que é bem adaptado ao ambiente urbano.

Elimine criadouros : qualquer local ou quantidade de água parada.

AÇÕES PREVENTIVAS CONTRA FEBRE AMARELA

leave a comment »

Apesar de Rio Claro não estar na lista de cidades com transmissão da Febre Amarela, ações preventivas estão sendo realizadas com estudantes na UNESP e viajantes na Rodoviária e Terminal de Ônibus  em frente ao Shopping.

Folhetos foram distribuídos e cartazes fixados em locais de grande circulação.

Lembrando que : eliminar criadouros de mosquitos é fundamental.