DENGUE: SE VOCÊ AGIR, PODEMOS EVITAR

Posts Tagged ‘saude publica

BRIGADA REFORÇA PROTEÇÃO À DENGUE

leave a comment »

Representantes das escolas municipais atuarão como multiplicadores de informações

Rio Claro realizou o 1º Encontro dos Brigadistas Municipais contra o Aedes. A brigada é constituída por representantes das 64 escolas municipais, indicados pela equipe gestora, e auxiliarão no combate ao mosquito transmissor da dengue. Para isso, os brigadistas receberam da Fundação Municipal de Saúde orientações referentes à doença e sua prevenção. O encontro foi realizado pela Secretaria Municipal da Educação, por meio do Centro de Aperfeiçoamento Pedagógico (CAP), no auditório do Núcleo Administrativo Municipal (NAM).

“A dengue é um problema que atinge a todos e a prevenção é a melhor maneira de combatê-la”, destacou Valéria Velis, secretária da Educação, ressaltando a importância dos brigadistas e da união de todos na luta contra o Aedes.

A proposta da brigada contra o Aedes é de que os membros atuem como multiplicadores das informações em seus locais de trabalho e em suas residências, explica Edison Norberto de Andrade, coordenador de Educação Ambiental da Secretaria Municipal da Educação, que ministrou a atividade com Solange Mascherpe, do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) de Rio Claro, e Vanessa Magri, da coordenação pedagógica do CAP.

“Com uma checagem de no mínimo 10 minutos, uma vez por semana, é possível eliminar criadouros, interromper o ciclo do transmissor e evitar o nascimento de novos mosquitos, o que já é uma grande ajuda”, informa Solange, reforçando a importância da conscientização da comunidade.

A brigada contra a dengue somará aos demais esforços realizados pelo município no combate à doença. As orientações aos brigadistas serão realizadas trimestralmente. A meta é ampliar os debates incluindo outras zoonoses, conscientizando também sobre outras doenças e as formas de prevenção.

Fonte: Assessoria Imprensa PMRC

RAP DA DENGUE É COMPOSTO POR ALUNOS DA ESCOLA JOAQUIM RIBEIRO

leave a comment »

Durante as aulas de biologia do prof. Alexsandro Vieira, na Escola Estadual Joaquim Ribeiro, o setor de Educação e Comunicação do Centro de Controle de Zoonoses foi convidado para palestra sobre zoonoses resultantes do descarte incorreto de lixo.

Após a apresentação os alunos realizaram várias atividades relativas ao tema e entre elas, criaram o primeiro Zoonocast, um podcast sobre zoonoses com questões elaboradas pelos alunos
à palestrante do CCZ, Solange Mascherpe.

https://cczrioclaro.wordpress.com/2022/05/20/e-e-joaquim-ribeiro-produz-podcast-sobre-zoonoses/

Após nova palestra apresentada à escola: ” Mosquitos e as arboviroses transmitidas”, o interesse pelo tema e novas atividades foram organizadas.

Os alunos e irmãos Francisco Raí e Ryan Araújo, autores de várias composições, criaram o “Rap da Dengue” para o episódio número dois do podcast.

A gravação foi realizada no estúdio “Rogério Rossini” da Secretaria de Cultura, que fica localizado dentro do prédio do Centro Cultural Roberto Palmari, com equipamentos profissionais e o técnico Cassiano que orientou os alunos e editou a criação.

O Rap da Dengue, além de inserido no podcast, será utilizado pelo CCZ em carros de som em trabalhos preventivos pelos bairros da cidade, valorizando a arte da autoria e interesse dos alunos compositores.

Esta parceria entre sociedade e poder público é fundamental para a conscientização relativa à eliminação de criadouros de mosquitos e prevenção às doenças que eles podem transmitir, as arboviroses, e a utilização da linguagem cotidiana utilizada pelos jovens, auxilia em um maior entendimento do problema e ações que podem contribuir para melhoria da saúde de toda comunidade.

Centro de Controle de Zoonoses participa do “Projeto Stop Aedes”

leave a comment »

Alunos da E.E. Chanceler Raul Fernandes estão participando do “Projeto Stop Aedes”, organizado pelos professores de biologia Caroline Rodrigues de Souza Stencel e Giovane Ícaro Alves.

O Centro de Controle de Zoonoses foi convidado para uma palestra sobre o mosquito Aedes aegypti, vetor de diversas arboviroses como: dengue, zika, chikungunya, febre amarela e febre mayaro.

O objetivo é que após a apresentação, os alunos repassem as informações recebidas a outros colegas e organizem ações preventivas na escola e que sejam estendidas às famílias.

A conscientização e a participação de toda sociedade, é fundamental para o controle de criadouros e consequentemente, dos mosquitos e das doenças que eles podem transmitir.