DENGUE: SE VOCÊ AGIR, PODEMOS EVITAR

Posts Tagged ‘saúde

Sipat da Potencial recebe Zoonoses para palestra

leave a comment »

  potencial 1

Em mais um ano de parceria, a empresa Potencial Manutenção e Comércio de Equipamentos recebeu o Centro de Controle de Zoonoses na 17ª Sipat- Semana Interna de Prevenção a Acidentes de Trabalho. O assunto abordado junto aos colaboradores da empresa foi o perigo do descarte incorreto do lixo que acarreta o surgimento de animais peçonhentos como aranhas, cobras e escorpiões que trazem risco à saúde. Foram passadas orientações sobre como evitar acidentes com esses animais e os cuidados necessários com o armazenamento e descarte do lixo.

Anúncios

ÚLTIMO BOLETIM REGISTRA MAIS DE 680 PESSOAS COM DENGUE

leave a comment »

 

 

Essa é a cena encontrada na maioria dos mutirões realizados aos sábados

 

De acordo com o boletim informativo da Vigilância Epidemiológica divulgado nesta quinta-feira, dia 27, durante a reunião do Comitê de Antropozoonoses, 682 pessoas já passaram por atendimento médico com resultado positivo para a dengue de janeiro até junho. Outros 595 casos ainda estão sendo investigados laboratorialmente. Apenas 15 do total de casos positivados são considerados importados. As demais pessoas diagnosticadas com a doença adquiriram o vírus no próprio município.

Em todos os setores da cidade as equipes do Núcleo de Combate a Endemias têm encontrado criadouros do mosquito. Até o momento, um óbito de uma jovem de 23 anos, atribuído ao vírus da dengue foi confirmado. Os agentes relatam que apesar de todo alerta feito pelas autoridades de saúde, ainda existem muitos criadouros nas residências dificultando o controle da doença.

De janeiro a junho foram feitos 17 mutirões de combate ao mosquito  realizados pelo Centro de Controle de Zoonoses, com apoio das secretarias do Meio Ambiente e Obras. No total os agentes recolheram 22 toneladas e mais 870 quilos de criadouros em vários bairros da cidade. Neste sábado, dia 29 as equipes estarão nos bairros Vila Paulista e Jardim Conduta.

De 1º de maio a 26 de junho a Zoonoses visitou 44.613 imóveis nos trabalhos casa a casa e nas operações bloqueio. No mesmo período, agentes estiveram em 156 imóveis nos chamados Pontos Estratégicos (depósitos de pneus, ferro velho, oficinas de desmanche de veículos, borracharias, oficinas de funilaria e cemitérios) e 52 em Imóveis Especiais (escolas, creches, hospitais, empresas e obras abandonadas).

Em julho o Núcleo de Combate a Endemias realiza uma nova Análise de Densidade Larvária. Em janeiro e em abril a ADL mostrou que Rio Claro está em estado de alerta com relação à quantidade de larvas encontradas.

CCZ faz palestra em empresa de Corumbataí

leave a comment »

O Centro de Controle de Zoonoses esteve em Corumbataí na segunda-feira, dia 17, para uma participação na Sipat- Semana Interna de Prevenção a Acidentes de Trabalho realizado da empresa Comercial João Afonso. Noventa e cinco funcionários assistiram a apresentação que abordou mais uma vez a problemática do descarte incorreto do lixo e suas conseqüências para a saúde dos moradores, entre elas surgimento de animais transmissores de doenças. A apresentação também destacou a importância da prevenção contra doenças transmitidas por mosquitos como o Aedes aegypti, causador da dengue, chikungunnya, zika e febre amarela. A Vigilância Epidemiológica também participou do evento tratando do tema Hanseníase.

Sipat do Daae abre espaço para palestra da Zoonoses

leave a comment »

A Sipat- Semana Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho do DAAE- Departamento Autônomo de Água e Esgoto abriu espaço para que o Centro de Controle de Zoonoses discutisse as questões relacionadas ao lixo que acarretam o surgimento de animais como ratos, cobras, escorpiões e outros que podem provocar doenças ou acidentes graves. Cerca de 80 funcionários participam este ano do evento. Outros setores da administração também foram convidados a participar.

A programação segue até sexta-feira (31), com palestras diárias a partir das 8 horas. Nesta terça-feira (28) haverá teste rápido para HIV e Hepatite C, além de uma palestra sobre doação de sangue. Na quarta-feira (29), o tema abordado será “Segurança, Educação, Compromisso de cada um, Responsabilidade de Todos”.

Além da Sipat, a equipe da Zoonoses também esteve no último dia 22 em duas escolas tratando do mesmo tema sobre o lixo. No projeto Estação do Bem, a convite da Udam, 90 crianças assistiram a apresentação e na Escola Municipal Jardim Esmeralda outras 180 crianças entre 2 e 5 anos tiveram acesso a orientações sobre o descarte correto do lixo.

Zoonoses vacina animais no III Saúde no Campus

leave a comment »

Como nas edições anteriores, o Centro de Contro de de Zoonoses (CCZ) participa do III Saúde no Campus, uma iniciativa do poder público com as instituições de ensino do município. Durante 3 dias, de amanhã até quinta-feira, dia 23,  no campus da Unesp uma série de serviços e atividades estarão à disposição da população. O CCZ estará presente vacinando cães e gatos contra a raiva e oferecendo orientações sobre animais peçonhentos.

O evento, que tem a participação de alunos de vários cursos, oferece ainda teste de glicemia, tipagem sanguínea, vacinação para pessoas acima de 18 anos, entre muitos outros serviços. O III Saúde no Campus acontece das 8h00 às 11h00 e das 14h00 às 19h00. A entrada é pela portaria principal da Unesp, na avenida 24-A.

Servidores de todo o Estado participam do Educom

leave a comment »

O Educom Saúde-SP, projeto desenvolvido pela Vigilância em Saúde da Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo e pela Escola de Comunicação e Artes (ECA-USP) é a mais uma ferramenta criada com o objetivo de promover a mobilização comunitária para as ações de vigilância e controle das arboviroses urbanas transmitidas pelo Aedes aegypti. A iniciativa destina-se a um grupo de servidores e colaboradores envolvidos com o controle da dengue nos seus respectivos municípios. Duas funcionárias do Centro de Controle de Zoonoses, Solange Mascherpe e Daiana Carolina Joaquim, participaram do curso presencial de 14 a 16 de maio. A ação será complementada com um programa a distância, com duração de três meses, reforçando a aprendizagem educomunicativa dos mesmos servidores, entre agosto e novembro deste ano.

O projeto alia marcos teóricos da educação e da comunicação para as atividades formativas a grupos de profissionais da saúde, do Estado e dos municípios com mais de 100 mil habitantes, capacitando-os a articular práticas educomunicativas para a mobilização da população. A meta é atender, ao fim do processo, um total estimado entre 250 e 300 agentes de saúde.

Tigre mobiliza sua equipe para combater dengue e outras doenças

leave a comment »

tigre2A empresa Tigre está mobilizando seus colaboradores para juntos trabalharem no combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor da Dengue, Zika e Chikungunya. O trabalho preventivo contou com a orientação da equipe do Centro de Controle de Zoonoses que realizou palestras para cerca de 1.400 funcionários de vários setores. Além de alertar os funcionários sobre o perigo que o mosquito representa e a necessidade de eliminação de criadouros, as palestras abordaram também a questão do lixo e de como o seu armazenamento incorreto pode trazer consequências para a saúde, com o surgimento de animais como ratos e escorpiões.

O boneco Cabeção, que representa os agentes de saúde e um agente fantasiado do mosquito ajudaram na transmissão das informações na linha de produção da empresa. Cartazes foram fixados nos quadros de aviso, panfletos distribuídos e atividades pedagógicas fizeram parte do sorteio de prêmios. Nas cestas básicas dos funcionários foram colocadas receitas de larvicidas. Para complementar a atividade, a Zoonoses expôs seu acervo de animais peçonhentos.

Além das palestras, o Boneco Cabeção e Mosquitos percorreram a linha de produção orientando os colaboradores, foram fixados cartazes nos quadros de avisos, atividades pedagógicas relativas à Dengue foram distribuídas com sorteio de prêmios , colocados folhetos informativos e  receita de larvicida natural nas cestas básicas e exposição de vidrarias com animais peçonhentos.

A empresa já colocou em prática as medidas preventivas como fechamento de ralos, vistoria em materiais nos pátios e a troca das bromélias que dos jardins por outras plantas que não acumulem água.

06 05 19 (21)

06 05 19 (4)

07 05 19 (8)