DENGUE: SE VOCÊ AGIR, PODEMOS EVITAR

Posts Tagged ‘aedes

Recolhida mais de uma tonelada de criadouros no Jd. Progresso

leave a comment »

Agentes do Centro de Controle de Zoonoses, apoiados pela Secretaria do Meio Ambiente (Sema) que disponibilizou o caminhão Cata Bagulho e sua equipe de resíduos sólidos, recolheram no último sábado, dia 18, uma tonelada e 40 quilos de criadouros do Aedes aegypti no Jardim Progresso. Enquanto os agentes faziam o trabalho de orientação e recolhimento de inservíveis, a Sema, utilizando máquinas apropriadas, retirava lixo e entulho que estavam amontoados em uma rua de terra e que na avaliação da equipe, poderia trazer problemas em decorrência do acúmulo de criadouros.

Além dos mutirões de limpeza realizados aos sábados o Centro de Zoonoses tem feito seu trabalho diário de visita casa a casa procurando conscientizar as pessoas sobre o risco que o Aedes representa para a saúde pública. Ainda assim, nos mutirões realizados quase sempre é retirada mais de uma tonelada de criadouros nos bairros visitados. De acordo com a chefe de núcleo Maria Júlia Guarnieri Baptista o empenho da população da luta contra o mosquito é essencial. “É preciso que os moradores prestem atenção aos possíveis criadouros que possam existir dentro das residências”, alertou.

Anúncios

Written by I.E.C - CCZ

21/05/2019 at 7:28 am

EMPRESAS ORGANIZAM BRIGADISTAS CONTRA DENGUE

leave a comment »

 

Neste momento em que várias cidades sofrem com surtos e epidemias de Dengue e  suspeitos aumentam diariamente, a necessidade de ações para evitar a  transmissão da doença  é fundamental.

Procurar e  eliminar qualquer local ou quantidade de água parada se faz necessário em nossas casas, locais de trabalho ou lazer.

A Fundação de Saúde, através do Centro de Controle de Zoonoses orienta funcionários das empresas através de palestras e  trabalhos preventivos.

Uma das orientações da equipe de Informação e Educação do CCZ é a organização de Brigadistas contra o Aedes e  algumas empresas já se mobilizaram neste sentido, treinando trabalhadores para eliminação de criadouros no local de trabalho e levando estas ações para suas residências.

A empresa Agroceres realizou ciclo de palestras e organizou equipe de brigadistas que realizam a busca e retirada de criadouros semanalmente dentro dos prédios, nos objetos de trabalho e na área externa.

Parabéns à direção da empresa e colaboradores que,  com apenas alguns minutos semanais,  auxiliam na eliminação dos “berços” de mosquitos transmissores da Dengue, Zika, Chikungunya e Febre Amarela; iniciativa que deve ser seguida por todos nós.

 

 

 

Jardim das Nações terá manhã de atividade educativa

leave a comment »

Neste sábado, dia 27, das 9h00 às 11h30 as secretarias da administração municipal estarão reunidas em um evento na área de lazer do Condomínio Jardim das Nações, no bairro Terra Nova. A ação consiste em mais uma atividade educativa junto aos moradores daquele condomínio que terão acesso a uma feira para troca ou doação de livros, organizada pela Secretaria de Cultura e também desenhos para pintura. A Faculdade Asser estará apoiando o evento e irá disponibilizar em um espaço reservado para a saúde, aferição de pressão arterial e também de glicemia. Os moradores que porventura apresentarem alteração nos exames serão encaminhados para acompanhamento médico.

A Secretaria de Habitação, que tomou a iniciativa de reunir os moradores para essa atividade irá ouvi-los sobre a realização de outros projetos educativos e esportivos, que além de levar lazer, também promove a integração entre os moradores.

O Centro de Controle de Zoonoses, da Fundação Municipal de Saúde marcará presença no evento através do boneco Cabeção, que representa os agentes de saúde que trabalham diariamente no combate ao mosquito Aedes aegypti. O CCZ também irá disponibilizar seu acervo de animais peçonhentos que ficarão em exposição. Haverá ainda distribuição de folhetos informativos e máscaras.

GRUPO DE VETERINÁRIO PELA ÉTICA E CCZ ORIENTAM CRIANÇAS

leave a comment »

Os problemas gerados por descarte incorreto de lixo em ruas, terrenos e quintais, são frequentes em todos os bairros da cidade.

O Centro de Controle de Zoonoses a convite do Grupo de Veterinários pela Ética , ministrou a palestra Lixo = Bicho para as crianças do Educandário Maria Goretti  , onde foram  abordados os diversos animais e doenças resultados destes descartes e formas de prevenção.

Solange Mascherpe e Daiana Carolina Joaquim, funcionárias do setor de Informação e Educação do CCZ realizaram as palestras nos períodos da manhã e tarde e após as apresentações as crianças e funcionários tiveram a oportunidade de conhecer sobre Equoterapia com o médico veterinário Ricardo Camargo e realizaram  pinturas sobre o tema.

Exemplares de animais peçonhentos expostos após as palestras,  foi a grande atração para a criançada.

Alunos da E.E Prof. João Negrão participam de palestra sobre Lixo=Bicho

leave a comment »

Escola Estadual Professor João Negrão recebeu a equipe de Educação e Informação do CCZ.

Cerca de 300  alunos do Ensino Fundamental II e Ensino Médio participaram da palestra Lixo=Bicho.

Com o crescente numero de casos de dengue em Rio Claro é preciso orientar as crianças e alertá-las dos perigos que o lixo depositado a céu aberto em locais impróprios,  podem trazer para nossa saúde.

Copinho, pneu, lata, garrafa, embalagem plástica, sacolinha, tampinha, pote, tudo isso serve de berço para o mosquito Aedes aegypti.

Restos de comida atraem roedores, que acabam atraindo cobras.

Moscas e insetos atraem aranhas, baratas atraem escorpiões.

Esses bichos acabam procurando abrigo dentro das nossas residências colocando em risco nossa saúde.

Também foram ressaltados com os alunos, os principais sintomas da dengue e o que deve ser feito caso apresentem os sintomas.

Sylvio Araujo recebe a Zoonoses para orientações sobre saúde

leave a comment »

Setenta e cinco crianças do progama Educação Integral, da Escola Sylvio de Araújo receberam a equipe da Zoonoses para conhecer um poucomais sobre o perigo que representa o acúmulo de lixo em local inapropriado e também a presença de criadouros dentro das casas que podem facilitar a reprodução do mosquito Aedes aegypti.

Ações da Zoonoses contra o Aedes se intensificam nos bairros e área central

leave a comment »

Várias ações visando combater a proliferação do mosquito Aedes aegypti, transmissor da Dengue, Zika e Chikungunya vem sendo realizadas pela Fundação Municipal de Saúde, através do Centro de Controle de Zoonoses. A região passa por um período de transmissão do vírus tipo 2 da Dengue que não circula em Rio Claro há alguns anos e por este motivo boa parte da população não está imune a uma contaminação por esse sorotipo. Visando evitar que o município registre novos casos da doença, a Zoonoses vem trabalhando desde o início do ano em ações realizadas em pontos diferentes da cidade. O trabalho é baseado nas últimas análises de densidade larvária que colocam Rio Claro em estado de alerta. A mais recente foi feita em janeiro e registrou índice de 1.6.

O Núcleo de Combate a Endemias iniciou 2019 colocando seus agentes à frente de operações bloqueio, nebulizações e mutirões de limpeza que são realizados aos sábados. Nos casos de imóveis fechados onde há denúncias de focos do mosquito e cujo proprietário não é localizado, o CCZ vem colocando em prática a operação Quebra Cadeado.  O imóvel é aberto com o auxílio de um chaveiro e os agentes fazem a inspeção no local.  Apesar de toda essa mobilização, há ainda muitos criadouros nas residências, situação verificada diariamente pelos agentes. “Parte da população compreendeu a necessidade da eliminação da água parada em recipientes, mas ainda existem munícipes que não acreditam na disseminação da doença e relaxam na prevenção”, disse o gerente do Centro de Controle de Zoonoses, Diego Reis.

Quando há casos positivos ou suspeitos de Dengue e suspeitos de chikungunya e zika virus são realizados bloqueio e nebulização no local. O bloqueio consiste em cercar a área onde os casos são registrados e fazer uma checagem nas residências para verificar a existência de larvas do mosquito. A maioria das larvas capturadas é do Aedes aegypti, de acordo com análises feitas em laboratório. Segundo dados do CCZ já foram feitas as seguintes ações  referente ao controle do vetor nesses primeiros três meses do ano, nos locais onde a doença foi confirmada:

Operações bloqueio no distrito de Assistência, Jardim Esmeralda, Arco-Íris, Jardim das Flores e Parque Mãe Preta. Bloqueio e Nebulização no Cervezão, Alto do Santana, Jardim Conduta, Jardim São Paulo, Santa Cruz, Jardim das Palmeiras, Santana, Jardim Floridiana e Jardim Primavera. Bloqueio, nebulização e mutirão de limpeza nos bairros São Miguel e Jardim Novo Wenzel. No centro da cidade foram realizados bloqueio, nebulização e ação educativa.

 

Além das visitas casa a casa, a Zoonoses já realizou também mutirões de limpeza nos bairros Bonsucesso, Novo Wenzel, Bom Retiro, Jardim Progresso, Jardim São João, Jardim Azul, Jardim São Caetano, São Miguel, Boa Vista 1 e 2, Santa Maria, Terra Nova e Jardim Novo 2.