DENGUE: SE VOCÊ AGIR, PODEMOS EVITAR

Archive for the ‘CURIOSIDADES’ Category

POR QUE ALGUMAS PESSOAS SÃO IMÃS DE MOSQUITOS ?

leave a comment »

Pesquisadores da Universidade Rockefeller de Nova York descobriram que as pessoas que são mais atraentes para os mosquitos produzem muitas substâncias químicas na pele relacionadas ao cheiro. E más notícias para os ímãs de mosquitos: os sugadores de sangue permanecem leais aos seus favoritos ao longo do tempo.

Os ímãs de mosquitos humanos que você pode ver em festas de verão podem ter uma taxa metabólica geneticamente alta ou podem ser mais ativos fisicamente do que outros participantes.

Eles também podem estar realizando outras atividades que aumentam sua taxa metabólica, como o consumo de álcool. O aumento da taxa metabólica é o motivo pelo qual os corredores atraem mais mosquitos durante seus exercícios de alongamento.

Embora os produtos químicos que atraem os mosquitos não possam ser removidos da pele com segurança, as novas descobertas podem levar à inovação na repulsão de mosquitos.

O estudo foi publicado no artigo: Differential mosquito attraction to humans is associated with skin-derived carboxylic acid levels

DOI: 10.1016/j.cell.2022.09.034

Post original: @biotecnologiabrasil

PEQUENOS APRENDENDO SOBRE ANIMAIS PEÇONHENTOS PARA PREVENIR ACIDENTES

leave a comment »

Alunos do Maternal II da E.M. Luiz Martins receberam o setor de Educação e Comunicação do Centro de Controle de Zoonoses que apresentou a palestra “Lixo=Bicho – Animais e Doenças relacionadas ao descarte incorreto de lixo”.

Os pequenos além de aprenderem ações de cidadania como o descarte correto de resíduos, conhecem os bichos que são atraídos e que podem causar muitos problemas.

Após a apresentação, os alunos puderam ver de perto animais peçonhentos recolhidos pelo CCZ nas residências e assim, conhecerem os abrigos e os animais que ele não podem tocar e como proceder caso os encontrem.

Professores e alunos do 3º ano também estavam presentes na palestra e participaram da exposição de animais peçonhentos com muita curiosidade e questionamentos.

ESCORPIÕES : PODER PÚBLICO E EMPRESAS REÚNEM-SE PARA AÇÕES PREVENTIVAS

leave a comment »

Aracnídeos tem assustado moradores em todos os bairros da cidade


Os escorpiões estão cada vez mais próximos dos seres humanos e é no verão que eles mais aparecem, e que os acidentes aumentam. Geralmente os escorpiões são encontrados em cemitérios, terrenos baldios, em meio a materiais de construção e entulhos e nas redes de esgoto, podendo aparecer dentro das residências tanto em bairros nobres como em periferias.

Uma das causas que aproxima os escorpiões da cidade é o fato de as áreas urbanas abrigarem muitas baratas, que são o alimento preferido desses aracnídeos.

De hábitos noturnos, os escorpiões ficam escondidos durante o dia, e de noite saem para se alimentar. É comum surgirem pela rede de esgoto.

Segundo o Manual de Controle de Escorpiões, elaborado pelo Ministério da Saúde, a erradicação dessas espécies não é possível e nem viável; o que precisa ser feito é um controle em cima dessa população.

Neste contexto, a Prefeitura de Rio Claro, através da Ouvidoria Municipal e da Fundação Municipal de Saúde, convidou as empresas BRK Ambiental e o DAAE, responsáveis pelas galerias de esgoto e água da cidade, para reunião na sede do Departamento de Água e juntos, estudarem alternativas para a diminuição de escorpiões na rede de esgoto.

A bióloga do Centro de Controle de Zoonoses, Milene Weissmann, informou os números de solicitações através da Ouvidoria Municipal que registram desde o início do ano: 196 notificações e 80 acidentes e nenhum óbito. Todos acidentes registrados foram com escorpiões amarelo (Tityus serrulatus).

Tem havido ocorrências em todos os bairros, com maior prevalência de aparecimento e acidentes nos bairros: Jd. Paulista II, Jd. Novo |I e II, Jd. Progresso, Jd. São Caetano II, Pq. Mãe Preta, Pq. Universitário, Jd. Itapuã, Jd. Novo Wenzel, Jd. Bonsucesso, Bom Retiro, Cidade Jardim e Santa Eliza.

O que fazer em caso de acidente

Os acidentes por escorpiões podem ser divididos em três tipos – leves, moderados ou graves. O veneno, por ser neurotóxico, é capaz de mexer com todo o sistema nervoso e pode causar muita dor no local da picada, podendo se estender para o membro inteiro. Nesse caso, o médico faz infiltração de anestésico para que a dor fique localizada e diminua rapidamente.

Evoluindo para o caso moderado, a dor ficará mais intensa e o acidente pode causar suor excessivo, náuseas e vômitos, e a partir daí o moderado se torna grave. O agravamento leva à salivação, insuficiência cardíaca, edema pulmonar e até mesmo ao óbito. Para esses dois casos, utiliza-se a soroterapia. O médico avalia quantas ampolas serão necessárias de acordo com a evolução do caso, e o paciente pode ficar internado e em observação. Levar o animal para o atendimento médico pode ajudar a fazer o tratamento adequado mais rapidamente. 

Após o acidente, recomenda-se não ingerir nada, muito menos bebida alcoólica. Nada disso vai amenizar a dor e nem agir contra o veneno. Também não é correto colocar gelo ou água fria no local da picada: isso faz com que a dor fique muito maior. A única coisa que age contra o veneno é o soro antiaracnídico e antiescorpiônico.

O que deve ser feito: em primeiro lugar, lavar o local da picada com água e sabão. Para aliviar a dor, pode ser feita compressa de água morna ou quente no local da picada. Depois, é preciso procurar o serviço de saúde mais próximo para fazer o atendimento apropriado. Para crianças até 10 anos deve-se levar o mais rapidamente possível para o PMSI na Av. 15.

Prevenção dentro de casa      

Feche buracos, vãos e frestas das paredes e do chão.

Coloque telas em todos os ralos do chão e de lavatórios. ou utilize ralos protetores.

Evite andar descalço.

Vedar com proteção as soleiras e vãos das portas e janelas.

Observe com cuidado sapatos e roupas, brinquedos antes de usá-los.

Afaste camas e berços das paredes e evite colocar roupas no chão.

Mantenha   sempre   o   controle  de baratas e outros insetos.

Mais informações: https://butantan.gov.br/

 

 

JOVENS DO PROJETO ADRA RECEBEM INFORMAÇÕES DO CCZ

leave a comment »

O Centro de Controle de Zoonoses apresentou a palestra “Lixo = Bicho” aos jovens atendidos pelo projeto para conhecerem os problemas, os animais e doenças causadas pelo lixo descartado incorretamente.

O Projeto PAI – Plano de Assistência à Infância – um núcleo da ADRA – Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais, desenvolve o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos Familiares e Comunitários à crianças e adolescentes na cidade de Rio Claro, atendendo os bairros Bom Sucesso, Jardim Novo Wenzel e Bom Retiro em conjunto com a Prefeitura Municipal de Rio Claro.

INFORMAR PARA PREVENIR

leave a comment »

Crianças da E.M. Maria Hartung – D. Birro- receberam o setor de educação e comunicação do CCZ para orientações preventivas sobre animais peçonhentos através da palestra Lixo = Bicho.


Após a apresentação com linguagem apropriada para os pequenos alunos do Infantil 1 e 2, eles puderam observar a vidraria e conhecer os bichos que não podem ser tocados, como escorpiões, cobras e aranhas.

SOCORRO DE URGÊNCIA NAS ESCOLAS MUNICIPAIS

leave a comment »

Rio Claro está promovendo cursos de treinamento em Socorros de Urgência para professores das escolas públicas municipais.

O Centro de Controle de Zoonoses participa através de seu setor de Educação e Comunicação com palestra e orientações sobre animais peçonhentos, atendimento em casos de acidentes e prevenção.

SIPAT ALDORO TEM PARTICIPAÇÃO DO CCZ

leave a comment »

A empresa Aldoro Ind. Pós Pigmentos Metálicos está realizando a Semana Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho – SIPAT, e convidou o setor de educação e comunicação do Centro de Controle de Zoonoses para participar do evento.

O tema escolhido para orientações a seus funcionários este ano foi a Posse Responsável de Animais.

Esta palestra além das orientações para o bem estar animal, tem como objetivo a prevenção de diversas zoonoses que podem ser transmitidas pelos animais a humanos, a diminuição de abandonos e impactos ao meio ambiente.

E.M. LUCIDIA T.C.E. SOARES ORIENTA ALUNOS SOBRE CUIDADO COM ANIMAIS PEÇONHENTOS

leave a comment »

Alunos de 03 a 06 anos da E.M. Lucidia, no bairro Boa Vista, receberam o setor de educação e comunicação do CCZ para conhecerem animais e os problemas gerados pelo descarte incorreto de lixo.

Após uma dinâmica apresentação, os aluninhos puderam observar a vidraria com animais peçonhentos para conhecer os bichos, poder distingui-los e assim, evitar acidentes.

IV SEMANA DA SAÚDE NO CAMPUS DA UNESP

leave a comment »

A Fundação Municipal de Saúde participou desta importante iniciativa da universidade com a Vigilância Epidemiológica vacinando e realizando testes de DST e atendimento odontológico móvel.

O Centro de Controle de Zoonoses esteve presente no campus orientando alunos, professores, funcionários e visitantes com exposição sobre animais peçonhentos e diversas arboviroses como Dengue e Febre Maculosa.

COM ESCORPIÃO NÃO SE BRINCA

leave a comment »

Como se desenvolvem:

Os escorpiões são animais peçonhentos que  injetam veneno por um ferrão na ponta da cauda. Normalmente, os acidentes acorrem quando as pessoas encostam no animal, geralmente com as mãos e os pés.

A proliferação dos escorpiões acontece nos períodos mais quentes e  chuvosos como  na  primavera e  no  verão, porém sua infestação é observada durante todo o ano.

É comum se esconderem próximos ás residências, terrenos abandonados com entulhos, embaixo  de materiais  de construção (madeiras,  telhas,  tijolos  e pedras)  e em lixo, mato e jardins.

Nas residências, são comuns em saída de esgoto,  ralos  e caixas de gordura. Procuram lugares escuros e se alimentam principalmente de baratas. Daí a importância de se combater esses insetos, que são atrativos para aparecer escorpiões.

CAPTURA SEGURA

Nunca capture escorpião com as mãos, mesmo que enluvadas;

  • Nunca faça essa captura sozinho. Tenha sempre outra pessoa com você;
  • Nunca utilize inseticida ou qualquer outro produto químico para exterminar o escorpião. Para ter esse efeito sobre o escorpião, é necessária uma quantidade muito grande do produto, o que pode prejudicar a sua saúde e a saúde dos demais e dos animais domésticos, além de desalojar os escorpiões e aumentar o risco de acidente;
  • Para visualizar o escorpião, caso esteja escondido, utilize um graveto ou um objeto longo e fino, de superfície lisa para empurrá-lo até um local onde possa coletá-lo com o frasco. Mantenha uma distância de mais de 30 cm entre sua mão e a ponta do objeto com o qual irá tentar capturar o animal. Caso o escorpião agarre o objeto, despreze-o e não chacoalhe, na tentativa de soltar o animal e nem tente tirá-lo com a mão;

P R E V E N Ç Ã O

    D E N T R O D E C A S A          

. Feche buracos, vãos e frestas das paredes e do chão.

. Coloque telas em todos os ralos do chão e de lavatórios. ou utilize ralos protetores.

. Evite andar descalço.

. Vedar com proteção as soleiras e vãos das portas e janelas.

. Observe com cuidado sapatos e roupas, brinquedos antes de usá-los.

. Afaste camas e berços das paredes e evite colocar roupas no chão.

. Mantenha sempre o controle de baratas e outros insetos.

MANEJO AMBIENTAL

. Conserve o  quintal,  jardim,  garagem,  porão livres de entulhos, madeiras, folhas,  lixo  ou outros materiais.

. O lixo deve ser fechado em sacos para evitar baratas e outros insetos. Coloque  os  sacos  de lixo na rua somente na hora que o coletor de resíduos for passar.

. Não coloque a mão em buracos no solo, fendas em árvore ou paredes.

. Nunca deixe coisas velhas acumuladas em volta da casa, principalmente restos de construção.

. Material de construção, madeiras e  garrafas devem ser empilhados longe do chão, da parede e do teto, em local bem arejado.

. Use luvas grossas ao manusear  entulhos  ou restos de materiais de construção.

. Evite ter plantas ornamentais densas, arbustos e trepadeiras junto a paredes  e  muros  da  sua casa.

. Na  área  rural,  tome  cuidado  com  barrancos, cupinzeiros e troncos de árvores abandonados.

Após ser Picado por Escorpiões

Primeiros Socorros

. Limpar o local da picada com água e sabão e aplicar compressa de água morma para diminuir a dor.

. Procurar o ATENDIMENTO COM URGÊNCIA.

. Com segurança e desde que não leve muito tempo para capturar o animal e levá-lo ao serviço de saúde. Para isso, use pinça longa ou algo semelhante e pote com tampa. Ou fotografe-o.

O QUE NÃO DEVE SER FEITO NO LOCAL DA PICADA

Torniquete ou garrote, furar, cortar, queimar, espremer e nem fazer sucção no local da ferida.

Água fria ou gelo acentua ainda mais a dor. Nenhuma substância pode ser aplicada no ferimento da picada.

Sintomas

As pessoas que mais sentem a ação do veneno são as crianças e por isso podem ir a óbito.

A dor no local aparece logo após a picada. Em crianças ocorrerá inicialmente choro intenso e abrupto devido à dor. O local da picada pode ficar vermelho, inchado e com suor. A dor pode irradiar para o braço ou perna, com aumento dos batimentos cardíacos e da respiração.

O suor aumenta e a criança alterna sonolência com agitação, passa a tremer e babar. Depois disso vem o vômito. Há situações em que após a picada, vem a dor e o vômito, de maneira muito rápida, antes mesmo que se perceba os sintomas anteriores.

ATENDIMENTO MÉDICO

PARA CRIANÇAS ATÉ 10 ANOS

Deve-se levar a criança o mais rapidamente possível a Unidade de Saúde referência para o atendimento e tratamento médico.

Caso não seja possível, procure um Pronto Atendimento, Pronto Socorro ou Hospital que for mais próximo.

EM RIO CLARO: PA – PRONTO ATENDIMENTO DA AVENIDA 15

PARA AS DEMAIS PESSOAS

Deve-se procurar o quanto antes o Serviço de Saúde mais próximo, preferencialmente um Pronto Atendimento, Pronto Socorro ou Hospital.

UPAS 29 E CERVEZÃO

Se necessário, ligue para  o SAMU pelo 192, pois há urgência no atendimento às crianças com picada de escorpião.

Mitos e Verdades

C R E N Ç A S E P E R G U N T A S F R E Q U E N T E S S O B R E O S E S C O R P I Õ E S

O E S C O R P I Ã O A T A C A ?        

Não. O escorpião ferroa apenas para se defender, ou seja, quando alguém coloca  a  mão  ou  encosta-se  nele intencionalmente ou sem perceber.

T O D O E S C O R P I Ã O É V E N E N O S O ?

Sim. Todos os escorpiões possuem veneno e capacidade de injetar este veneno. A diferença entre as espécies perigosas e não perigosas está na ação deste veneno no homem.

O E S C O R P I Ã O U S A T O D O S E U V E N E N O E M UMA Ú N I C A P I C A D A ?

Não. Ele nunca utiliza todo seu veneno em uma única picada e pode causar um segundo acidente imediatamente após o primeiro. Pode também picar e não inocular veneno, causando um acidente assintomático ou “picada seca”.

O U S O D E V E N E N O S M A T A O S  E S C O R P I Õ E S ?

Não. Os escorpiões se tornaram resistentes aos venenos e o cheiro atua somente para desaloja-los de seus esconderijos, podendo aparecer mais escorpiões, consequentemente maior risco de acidentes.

S E E U E N C O N T R A R U M E S C O R P I Ã O E M C A S A, S I G N I F I C A Q U E

E N C O N T R A R E I O U T R O S ?

Provavelmente sim, porque a área urbana favorece o aparecimento em bastante quantidade.

E X I S T E M   P R E D A D O R E S P A R A O S E S C O R P I Õ E S ?

Sim. os predadores do escorpião são: gambás, lacraias, sapos, gaviões, corujas, macacos, lagartos e camundongos, entre outros.

Fonte: Lúcia Henriques luahenri@gmail.com – Pesquisadora Científica da Secrtetaria do Estado de Saúde do Estado de São Paulo